top of page

A Importância de vídeos para músicos

Atualizado: 23 de jan. de 2023

Como assim, produção?

Diz o ditado que uma imagem vale mais que mil palavras. Mas quando trazemos para o cenário musical, será que a imagem (e/ou o vídeo) também merece esta grande atenção?


Nosso foco é a música (claro!), mas hoje vivemos neste mundo das imagens nas mídias sociais, e com isso o vídeo se tornou tão importante.


Foi-se o tempo em que a música gravada existia essencialmente no formato de um álbum e a relação com a imagem era apenas o encarte. O que era muito legal, por sinal! As pessoas tinham o hábito de colocar a música em uma vitrola (tocador de vinil) ou em um aparelho de som (toca CDs ou fita cassete). O cuidado com a apresentação, texto e imagens acontecia na forma do encarte - algo que até hoje fascina colecionadores. Mas hoje isso tudo mudou, temos muitas outras possibilidades que o universo digital nos permite. E é por isso que – especialmente nas mídias sociais –, o vídeo se torna cada vez mais importante e necessário.



E aí vem a reflexão: Como devemos apresentar nosso trabalho? Como vamos atrair as pessoas para ouvir a nossa música nesse universo de hoje?


Você provavelmente sabe - ou se não sabe, estou aqui te contando - que é muito importante termos vídeos de qualidade, vídeos que traduzam a qualidade do nosso trabalho.


Isso é uma coisa que eu tenho investido muito, já faz tempo. Se você visitar meu perfil de artista nas várias midias, por exemplo, vai encontrar muitos vídeos em vários formatos, e todos dignamente gravados. Seja essa gravação feita em uma grande sala de concerto, parte de uma grande produção (como a foto abaixo mostra), ou uma gravação bem simples feita em um barzinho de jazz, durante um ensaio ou até mesmo em casa.


Estação de gravação de vídeo para o especial "Jazz and the Philhamonic"

Essas gravações são importantíssimas hoje em dia, elas são uma espécie de cartão de visita digital. Os vídeos, o material todo que você tem online, seja no Instagram, no Youtube, no Facebook - ou onde quer que seja -, é o seu portfólio, a sua vitrine virtual.


Ferramentas na palma da mão

A boa notícia é que temos uma ferramenta poderosíssima em nossas mãos, o telefone celular, nossos smartphones. Hoje em dia eles são muito mais do que um telefone, são essencialmente uma câmera conectada a um pequeno computador com internet.


É claro que a qualidade do material que produzimos está ligada a capacidade dos equipamentos eletrônicos utilizados. Mas, mais do que isso, a qualidade das gravações geradas está diretamente ligada a maneira como utilizamos os recursos disponíveis. É possível sim criar conteúdo com ótima qualidade gastando pouco!


Cuidados que fazem a diferença

Eu, por exemplo, muitas vezes gravo vídeos com meu smartphone. Aliado a ele, tenho uma pequena infra-estrutura e um pensamento de videografo/fotografo por traz. Muitas vezes utilizo uma iluminação estrategicamente posicionada e/ou um microfone dedicado a captação de som. E claro, tudo isso pensando no enquadramento, qualidade de áudio e na estrutura narrativa do vídeo.


São todos cuidados para criar um produto de qualidade que, no final das contas, vira o nosso cartão de visita: nossas mídias sociais e website. Querendo ou não, felizes ou não, as pessoas vão nos julgar pelo material que apresentamos nessas plataformas.


Muito provavelmente, é isso que vai ditar se essas pessoas vão querer nos seguir, se estão interessadas em trabalhar conosco, se vão nos contratar ou não. Tudo baseado nesta primeira impressão que chega através das mídias.


Sessão de gravação no estúdio da Universidade de Nova Iorque - Rafael Piccolotto de Lima e orquestra de cordas

Oportunidade pra se destacar

O lado bom é que essas ferramentas (e plataformas digitais) nos abrem um leque de possibilidades para apresentar nossa música e nos destacarmos. Através delas temos a capacidade de escolher como mostrar nosso trabalho para possíveis novos fãs, colaborados ou contratantes.


Se esta reflexão que propus o fez pensar na importância dos vídeos para o seu trabalho, gostaria de lembrá-lo que se você tem interesse em conhecer um pouco mais sobre os equipamentos, as técnicas para fazer boas gravações, mesmo que em casa com equipamentos simples, eu tenho um curso no meu website chamado “Fundamentos de Áudio e Vídeo para músicos”. Lá eu abordo questões técnicas, estéticas, ofereço dicas e sugestões de uso de conteúdo nas mídias.


Que tal dar uma olhadinha?!

 

Gostou do conteúdo?


Deixe nos comentários dúvidas e sugestões para os próximos blogs! E não deixe de visitar os meus perfis no Instagram, Facebook e o canal do YouTube para vídeos completos com conteúdos exclusivos!


 
Rafael Piccolotto de Lima - Compositor, arranjador, diretor musical, produtor musical e educador
Sobre o autor

Rafael Piccolotto de Lima foi indicado para o Grammy Latino como melhor compositor erudito. Ele é doutor em composição de jazz pela Universidade de Miami e tem múltiplos prêmios como arranjador, diretor musical, produtor e educador.


Suas obras foram estreadas e/ou gravadas por artistas como as lendas do jazz Terence Blanchard, Chick Corea e Brad Mehldau, renomados artistas brasileiros como Ivan Lins, Romero Lubambo, e Proveta, e orquestras como a Jazz Sinfônica Brasileira, Orquestra Sinfônica das Américas e Metropole Orkest (Holanda).


Criadores musicais (conteúdo educacional):

Rafael Piccolotto de Lima (conteúdo artístico):
46 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentários


bottom of page